Volkswagen 1600 o popular Zé do Caixão


WV 1600 foi o primeiro Volkswagen totalmente desenhado e concebido no Brasil e ostenta uma série de particularidades que fazem dele um carro único.

* Primeiro Volkswagen no mundo a ser produzido com 4 portas.
* Primeiro Volkswagen no mundo a ter faróis quadrados.
* Primeiro Volkswagen de passeio com motorização 1600cc


Está no museu da VW na Alemanha (na cor branca).



Derivado dos Typ 3 alemães

(mais especificamente de um protótipo da matriz que não entrou em produção),
o Brasil redesenhou este modelo e viu em dezembro de 1968 a estreia de um novo modelo de carro com novos conceitos e particularidades tupiniquins, nascia assim o VW 1600, um carro de três volumes e quatro portas, com um motor a ar de 1600 cc, instalado na traseira.

Acomodava quatro passageiros e os levava até cerca de 135 km/h.
A dianteira, única no mundo, possuía faróis retangulares até 1970, quando foram substituídos por dois faróis redondos de cada lado.

VW 1600 4P 1969 ftl.JPG
A fábrica sustentava o marketing na beleza do carro, definitivamente reconhecida pelas suas formas marcantes.

Contudo, nesse momento o carro teve sucesso limitado, sendo mais popular entre os taxistas. Suas formas retangulares lhe renderam o curioso apelido de "Zé do Caixão", talvez por sua semelhança com um esquife, ou talvez por parecer uma criação do famoso cineasta. Outro curioso apelido, este mais conhecido no sul do país, era "saboneteira". Embora sendo um apelido menos agressivo que o de "Zé do Caixão", também não contribuiu para que o pequeno carrinho caísse nas graças do povo.
Ele saiu de linha em 1971.

Fonte:
https://pt.wikipedia.org/wiki/Volkswagen_1600